Natiele Lopes. Tecnologia do Blogger.

Capítulo 9

(Fic Tá Vendo Aquela Lua)
Meu nome é Jacob Black,eu tenho 25 anos de idade e moro desde pequeno numa reserva quileute chamada La push,aqui eu cresci e fui criado rigorosamente dentro das normas que prega tanto para o homens,tanto para as mulheres uma conduta responsável.

Meu pai é o Billy Black uns dos mais velhos anciões que assim como eu começou muito cedo com o trabalho duro para criar um patrimônio que dividiria mais tarde com a minha mãe, Sarah Black, já falecida, os dois tiveram três filhos contando comigo que sou o mais novo ha também minhas irmãs mais velhas, a Rebeca que está casada com Embry e tem dois filhos e a Rachel que deixou a vida pessoal dela de lado para cuidar de mim como se fosse uma mãe.

Aliás, eu devo tudo a minha irmã, ela sempre foi muito carinhosa e atenciosa comigo e sempre esteve me apoiando nas minhas decisões, como por exemplo, a de sair de casa, meu pai nuca quis que isso acontecesse pelo menos não ates de eu arrumar uma esposa, dentro das normas é claro, como ele sempre quis.

Na verdade foi justamente por causa dessa pressão toda que eu sai de casa,o velho vivia me enchendo com esse lance da esposa perfeita, para ele a mulher ideal tinha que ser da tribo, seguir nossos costumes e ser submissa.

Mais eu tinha minhas próprias opiniões e queria encontrar uma garota que realmente amasse e não uma dona de casa, então não precisava nem dizer que batia toda vez de frente com o meu pai com respeito a isso né?Mais ele não pode fazer nada, eu sou um rapaz maior de idade, tenho minha própria casa, meu próprio emprego e o melhor de tudo o meu livre arbítrio.

Outra pessoa que concordada plenamente comigo é o meu melhor amigo Quil,ele também burlou as regras e seguiu o coração quando conheceu Claire,uma garota da cidade,os dois estão noivos e irão se casar em breve para o desespero total da mãe do Quil,a única que ainda não aceitou essa situação.

Bem como eu estava dizendo, casar realmente nunca tinha feito parte dos meus planos até ela aparecer, a garota mais linda que já vi na vida, seus cabelos loiros, olhos azuis e pele clarinha me deixaram louco, mais a principio ela nem me deu bola, na verdade o meu anjo estava numa mesa mais afastada perdida em pensamentos enquanto eu a admirava completamente fascinado.

Aquele dia eu havia aceitado sair com os meus amigos, o local? O barzinho aonde minha irmã Rachel trabalha, que já virou o nosso ponto de encontro, toda vez íamos lá para beber algo, jogar sinuca, bater papo e pegar muita mulher é claro.

Mais naquele dia eu achei algo em especial, eu achei ela,Renesmee Carlie Cullen,como eu disse o nosso primeiro encontro não foi lá muito bom,por que ela simplesmente me deu um fora e mal quis me dar o seu telefone o que me deixou com a cabeça fervendo,pra vocês terem uma idéia eu passei aquela noite e o dia seguinte inteirinho pensando nela e até uma musica eu escrevi.

Meus amigos todos já estavam me achando um retardado, na verdade até minha irmã havia notado essa minha súbita mudança e quando soube o motivo resolveu me ajudar, ela telefonou pra mim no mesmo dia que estava tendo a festa de despedida no bar da noiva do Quil e me disse que Renesmee estava lá.

Ponto para o destino, eu não pensei duas vezes, pegue minha moto e corri para lá o mais rápido possível e quando cheguei tive que entrar pelos fundos e para minha mais bela surpresa eu encontrei ela que correu na minha direção e me pediu carona para fugir do ex namorado.

Levei Renesmee sem reclamar na minha garupa para a praia de La Push onde aconteceu o nosso primeiro beijo, a gente ficou lá por um tempinho e depois a levei para casa de volta e novamente encontramos o mesmo cara que um pouco antes ela estava fugindo, ou seja, o ex dela que fez uma cena lastimável gritando para os quatro ventos que a queria de volta, até ai tudo bem mais quando ele partiu para ignorância, dai sim eu tive que intervir e entramos numa briga feia.

Que só foi parada pela Renesmee quando ela deu uma panelada bem dada na cabeça daquele ordinário’’Bem feito’’depois de muitos gritos e berros os vizinhos acabaram se metendo e um deles ameaçou o borra botas que foi para casa com o rabo entre as pernas.

Renesmee riu do meu estado e da cena cômica do nosso ‘’primeiro encontro’’e me levou para dentro da casa dela aonde me fez um curativo, não resisti e acabei a agarrando na cozinha, nos beijamos mais algumas vezes e eu tive que voltar para casa’’contra a minha vontade’’vou deixar bem claro, mais eu ia ser sincero não podia reclamar mais de nada,afinal eu já tinha dado um grande passo e estava conseguindo o outro.

Nos dois havíamos combinado de sair no dia seguinte aonde a levei para o cinema e mais uma vez deu pegação,o que se sucedeu durante a semana toda que passamos juntos em que eu fiz questão de leva - lá para todos os lugares que conhecia e até aqueles que não conhecia também.

O clima estava esquentando mais eu decidi deixar rolar, não ia parti para o ataque queria esperar o momento certo que chegou mais rápido do que eu pensei, a minha princesa me preparou um jantar especial, que pra mim a principio não passava de uma amostra dos seus dotes culinários.

Mais eu estava enganado a pimentinha queria mesmo é me seduzir ainda mais e conseguiu, eu fiquei a ponto de bala quando a vi com aquele vestidinho curto, tive até que me cortar quando estava quase lá com ela na cozinha e fui para um banho gelado enquanto ela preparava o nosso jantar.

A comida estava deliciosa mais não facilitou em nada pra mim, aquele calor infernal que achei que tinha ido para o ralo com a água fria do meu chuveiro voltou ainda mais devastaste do que antes, dai foi inevitável, chamei minha princesa para uma dança, nos declaramos e ela disso o que eu mais queria ouvir’’ Jake eu quero ser sua’’.

Ai não teve jeito,peguei meu amor no colo e a levei para o meu quarto aonde tanto ela e tanto eu fizemos amor pela primeira vez, eu por que jamais amei uma mulher assim como amo minha nessie na vida e ela por que era virgem para minha total alegria.

Aquele dia com certeza será inesquecível e ficará gravado em mim como uma tatuagem, Renesmee resgatou em mim um sentimento que eu nunca havia sentindo antes’’o amor’’.

Depois da nossa noite maravilhosa de amor a minha mulher perfeita com toda certeza me fez um café da manhã reforçado no dia seguinte que comemos todinho entre muitos beijos apaixonados, mais antes eu fiz questão de entregar a ela  a pulseira de promessa Quileute que eu mesmo fiz.

Como um dos costumes aqui na tribo, todo homem tem que ter a sua, que pode ser herdada da família, que o meu causo não foi possível por que o meu pai jamais daria a dele para mim, é claro que isso não se aplicaria se eu fosse dar essa pulseira a Leah,dai sim seria outra historia, mais como não foi esse o causo ele se negou a entrega - lá a mim então eu mesmo tive que fazer uma para dar a Renesmee como prova do meu amor.

Renesmee e eu a partir dali começamos a namorar oficialmente até a chegada do casamento do Quil e da Claire aonde nos dois íamos ser padrinhos, eu junto com a Leah como o padrinhos do noivo e ela junto com um tal de Alec como padrinhos da noiva,uma situação bem constrangedora,vamos dizer assim.

Aquele engomadinho chegou até mesmo ao ponto de assediar a minha namorada ‘’pode?’’, mais no fim da cerimônia eu fiz questão de marcar o meu território e corri para perto da ‘’minha ness’’ e fiz questão de deixar bem claro que aquela mulher linda já tinha dono.

Enfim depois da cerimônia, comprimentos e do beijo dos noivos fomos para festa num carro que eu havia emprestado, Leah acabou pedindo carona para nos dois depois de dar uma desculpa esfarrapada’’eu tive que aceitar né’’ia dizer não e deixar a garota ir a pé, mesmo sendo o que ness provavelmente queria eu não podia fazer isso e depois o único jeito foi pedir desculpas para ela.

Ness aceitou e começamos a nos beijar num canto separado de todos até sermos interrompidos pelos noivos, o Quil e a Claire que acabou se desculpando com o meu amor devida a presença do Nahuel que se cruzasse o meu caminho agora seria um homem morto e a Kim a prima dela.

Depois disso Renesmee nos pediu licença para ir ao banheiro e eu fiquei ali conversando com o Quil quando a Claire foi trocar o vestido de noiva com a mãe por algo mais confortável.

-Já contou pra ela?-Foi a primeira coisa que ele me perguntou.

-Ainda não- Respondi teso aquele assunto me incomodava.

-Cara não seja bobo,você esta se arriscando á toa,conta logo a verdade a ness,ela precisa saber ‘’por você’’-Ela enfatizou.

-Eu vou contar Quil,hoje mesmo,nos dois vamos para minha casa e ela vai dormir lá - Declarei.

-Você não vai se arrepender... aquilo foi coisa de adolescente,já passou,agora você é um homem e tem responsabilidade mostre isso a ela,ness vai atender-Ele bateu no meu ombro.

-Se você soubesse o quanto me arrependo... Fui imaturo demais e uma tremendo de um canalha, Morgan não merecia aquilo, eu deveria ter terminado com ela antes, sei lá- Me martirizei.

-A carne é fraca amigo....você estava sendo forçado aquilo,namorar com Morgan nunca foi sua opção mais com a ness é diferente você ama ela,eu vejo isso nos seus olhos e ela também verá-Observou.

-Eu espero que sim...eu não consigo mais imaginar a minha vida Quil sem a mulher que eu amo- Constatei.

-Então pra que adiar? Conta toda a verdade pra ela e a peça em casamento- Aconselhou.

-Isso é perfeito, você tem razão- Falei animado e Quil assentiu com a cabeça.

-Eu vou indo amigão, vou procurar a minha noiva e propor a ela uma fuga,o que acha?-Perguntou.

-Vai em frente... Vocês merecem isso- Incentivei e ele saiu atrás da Claire, ri comigo mesmo e avistai minha nessie correr na direção do estacionamento, parecia que ela estava chorando’’O que aconteceu com o meu anjo?’’foi o que eu me perguntei.

Corri atrás dela e gritei o seu nome.

-Ness amor espera...o que aconteceu-Eu a chamei.

-Você é um desgraçado Jacob...por que heim você mentiu pra mim?-Ela me perguntou do nada quando parava e me encarava com uma expressão de puro ódio e rancor’’aquilo me doeu na alma’’

-Do que você esta falando?-Quis saber, eu estava confuso por que ela estava agindo assim?

-Do que eu estou falando?Eu estou falando da sua cara de pau,seu canalha traidor...EU TE ODEIO JACOB – Gritou com raiva.

-Traidor...canalha?Porque esta me chamado assim- Disse nervoso, Renesmee estava revoltada comigo e eu queria saber o motivo dessa reação assim tão repentina.

-Você mentiu pra mim- Ela me falou chorando.

-Menti no que....ness você não esta falando coisa com coisa,pêra ai vamos conversar-Pedi segurando o seu braço,minha nessie estava descontrolada precisava me escutar.

-Você traiu sua ex com a Leah...é verdade isso?-Ela Perguntou na lata’’Como é que a Renesmee ficou sabendo disso?’’

-Quem te disse isso?-Perguntei.

-NÃO INTERESA....EU SÓ QUERO A VERDADE...VOCÊ TRAIU A SUA EX OU NÃO COM A LEAH- Gritou novamente.

-Ness faz muito tempo... Eu não gostava dela e era um idiota imaturo- Tentei me explicar e nessie começou a chorar’’Meu deus me ajuda,ela esta entendendo tudo errado’’Pedi -Mais eu nunca te trai ness você tem que acreditar em mim...por favor- Implorei chorando de nervoso.

-Eu não posso acreditar num traidor....você é igual ao Nahuel- Ness cuspiu essa palavras em mim –São dois traidores canalhas que magoaram o meu coração.

-Eu nunca vou te magoar ness- Prometi’’Como ela podia achar que eu faria o mesmo que aquele moleque, eu nunca trai a minha nessie e jamais faria isso’’.

-Você já me magoou e muito-Ela me disse antes de sair correndo para longe de mim e quando fiz menção de ir atrás dela alguém me parou.

-Se for atrás dela você pode esquecer que é o meu filho-Me virei transtornado com essa declaração e o fitei.

-Eu já renunciei esse papel a muito tempo- Cuspi sentindo o ódio me dominar,Leah também apareceu no estacionamento e os meus olhos na hora pararam no seu braço’’eu não posso acreditar nisso...é demais pra mim’’.

-Olha só que essa garota te fez.... Você já esta renegando o próprio pai- Ele disse pra mim que nessa hora já caminhada na direção da Leah que me olhou aterrorizada, mais eu não me detive e com um movimento só peguei em seu braço e o levantei para cima vislumbrando a pulseira de promessa Quileute que era da minha mãe e que agora deveria ser mim’’ou melhor, da Renesmee’’.

-O que a pulseira que era da minha mãe esta fazendo com a Leah?-Falei entre dentes’’eu estava ao ponto de explodir ali mesmo,mais eu tinha que me controlar, afinal de contas esse era o casamento do meu amigo e eu não podia fazer cena’’.

-Ela esta a onde deve estar, no braço da sua futura esposa-Ele respondeu serio e com essa eu tive que rir.

-Olha eu não sei o que disseram para a minha noiva mais eu vou descobrir de qualquer jeito....e quanto a você Leah,fica bem longe de mim e da nessie entendeu?...Para de ser tão vendida, eu já disse que não te quero e nem te amo, então tenha amor próprio e passe pra outra- Aconselhei e a Leah começou a chorar descontroladamente.

-Não fale assim com a Leah,ela é uma garota de respeito ao contrário daquela sua namoradinha,que mal saiu de um relacionamento e já passou para outro,conveniente não?Se eu fosse você eu ficava de olho- Billy a defendeu.

-LAVA A SUA BOCA PARA FALAR DA NESSIE... ELA É A MINHA MULHER E VOCÊ NÃO TEM ESSE DIREITO- Esbravejei aquilo já era demais’’o velho só voltava crucificar a Renesmee e por a Leah num pedestal’’

-EU FALO DELA COMO EU QUISER GAROTO E BAIXE ESTA GUARDA, EU SOU O SEU PAI E SEI O QUE É MELHOR PARA VOCÊ- Rebateu no mesmo tom.

-Se Leah é tão boa assim por que o senhor mesmo não se case com ela heim?Eu sei que da conta do recado,agora por favor não fique empurrando ela pra mim,POR QUE EU JÁ DISSE E REPITO QUE EU AMO A RENESMEE E É COM ELA QUE VOU ME CASAR- Enfatizei -E não a nada que você possa fazer contra isso -Completei.

-Enquanto eu estiver vivo Jacob é exatamente isso o que eu vou fazer-Me ameaçou.

-Então se prepare para perder o seu tempo, por que nada que fizer contra o meu relacionamento com a nessie vai durar muito... Eu não vou deixar e nem permitir que isso aconteça-Foi minha palavra final.

Sai dali de cabeça erguida e voltei para festa a procura da mãe da nessie,a dona Bella,ela gostava de mim e eu tinha certeza que ela podia ter alguma pista ou idéia da onde nessie poderia ter ido.

Achei Bella num canto próximo às mesas do fundo ao lado de uma mulher loira muito bonita e de uma garota loira também e bem parecida com essa mulher conversando, o clima parecia tenso mais eu resolvi intervir.

-Bella -A chamei pegando em seu braço e ela se virou para me fitar e logo depois me deu um sorriso.

-Jacob aconteceu alguma coisa?-Ela perguntou preocupada e nessa hora pude ver a tal garota me encarando de um jeito estranho e mordendo os lábios’’que garota safada’’pensei comigo mesmo e respondi a Bella rapidamente.

-Bella é a Renesmee ela sumiu-Falei desesperado.

-Como assim sumiu?-A mulher loira perguntou.

-Nos dois tivemos uma briga feia no estacionamento e depois ela saiu correndo e desapareceu-Relatei a Bella que colocou as mãos na boca.

-Ai não esquenta gatinho a minha priminha esta muito bem,eu posso garantir- Dessa vez foi a garota loira que disse isso e Bella a fitou com um olhar assassino.

-Se você sabe aonde a minha filha esta mesmo diga agora Kim,eu não estou brincando- Ela esbravejou para a tal garota que revirou os olhos como se aquilo tudo fosse um tédio.

-Kim chega de me envergonhar e responda logo a sua tia aonde esta a Renesmee- A mulher loira ordenou.

-Ai mamãe que estresse a Renesmee esta com o Nahuel ué.... Só pode,eu vi quando ela saiu correndo feito louca e ele foi atrás dela de carro- Respondeu simplesmente e eu apertei as minhas mãos em punho.

-Não acredito.... Aquele canalha também esta aqui- Bella exclamou nervosa e pegou o celular da bolsa.

-Pra quem você vai ligar Bella?- Perguntei.

-Para o meu marido, ele deve estar por aqui, mais eu não tenho tempo de procurá-lo,precisamos ir atrás da nessie- Ela falou.

-Eu vou com você - Informei a ela que assentiu de acordo e logo pegamos a estrada com o Edward que vez questão de ir junto,os dois estavam no carro deles e eu no meu.

Perambulamos por toda Seattle e nada da minha nessie ou até mesmo daquele ordinário do Nahuel,as hora iam se passando e no relógio ela já maracá 12;00 noite.

E foi exatamente nesse horário que Bella recebeu um telefonema informando que a minha Renesmee estava no hospital, ela tinha sofrido um acidente de carro e o Nahuel a levou até lá, na hora que Edward me deu essa informação tudo ficou escuro eu não via mais nada, não sentia mais nada a não ser desespero.

-Jake eu acho melhor você ficar, nos iremos te manter informado-Bella tentou dizer.

-Não eu quero ver a Renesmee e vai ser agora- Respondi voltado para o meu carro e dando partida rumo ao hospital’’eu precisava ver ela de qualquer jeito, mesmo que ela não quisesse me ver’’eu queria ter pelo menos a certeza que o meu amor estava bem.
                                    
                                      By:natineces

0 comentários:

Postar um comentário

Comente,critique,elogie e de as suas sugestões,mais sem ofensas ok?Que eu sou muito sensível rsrsrs.

Seguidores

Instagram

Neces In Love Story Copyright © 2013 - Todos os Direitos Reservados