Natiele Lopes. Tecnologia do Blogger.

capítulo 6-Coração de mãe não se engana

Pessoal como sou muito autocritica comigo mesmo e achei que esse capitulo tinha ficado muito ruim,resolvi reescrevê lo e agora ele está maior e bem mais detalhado.-e pra que leu o outro quero dizer que mudei um pouquinho então leiam novamente.-obs:eu sou pessima em descrições e talvez algumas tenham ficado esquisitas.
 by:natineces
Pov de Renesmee.
Para nosso novo destino.

Nossa mudança para Forks finalmente já estava planejada e partiríamos amanhã mesmo para enfim vivermos em paz,mesmo assim sair da Alemanha aonde conquistamos tantos amigos não era nada fácil por que por muito tempo tudo que eu tinha era Erick e quando nos mudamos para Ca eu passei ter 3 filhos lindos e grandes amigos como Molli que sempre foi uma irmã para mim e segunda mãe para eles ha também o companheiro dela o Jay que ama crianças e se diverte horrores com meus filhotes pela floresta,alem de tudo Molli também vive com Darlli e Manuel também muito presentes em nossa vida principalmente Manuel que virou um grande amigo de meu marido e foi fundamental pra ajuda-ló na troca de sua alimentação que antes era sangue humano e com muito custo e grandes ajudas ele virou vegetariano assim como nos.


Então eu poderia sim dizer que eles são nossa família por que é assim que os considero e não só eu mais meus filhos e Erick que estão muito tristes também pela separação.


-mãe eu não quero ficar longe da tia Molli.-Keroline dizia para mim embargada pelo choro e pela dor da separação.


-oh filha eu sei que é difícil mais é preciso.-abracei meu anjinho que não parava de soluçar cortando o meu coração com a cena.


-mais eu não quero mãe.-ela repetia


-ora keroline você sabe que eu não te deixarei em paz um minuto se quer e quando a saudade apertar demais e vou visitar vocês meu bem.-Molli disse para descontrair e amenizar a dor de minha anjinha.


-mais titia...-keroline tentou dizer.


-mais titia nada você tem que ir será melhor.


-não será não eu vou sentir tanta saudade.-keroline abraçou ternamente Molli que derreteu em seus braços e eu sabia que mesmo vendo sempre o lado positivo das coisas Molli no fundo sempre foi uma manteiga derretida e se pudesse estaria chorando muito.


Depois de muitos abraços e despedidas finalmente tivemos que partir.


Pegamos nossas malas e o vôo em direção a Forks nosso novo lar daqui por diante.
****************************************************************************
Durante todo vôo eu e Erick ficamos conversando sobre planos para o futuro e contemplando nossos lindos filhos que dormiam profundamente nas cadeiras ao lado.
Graças aos 25% de humano herdado de minha parte hibria para eles que dormem,e até comem comida normal mais preferem assim como eu o sangue,eles também tem uma grande facilidade de contatos com humanos para meu total alivio,mais sem ignorar os 75% de vampirismo que fazem deles mais ágeis que eu em questões como corrida,força,audição e até dons sim dons por que recentimente eu descobri que eles tem dons principalmente keroline que inclivelmente além de ler pensamentos também consegue transporta-los de uma pessoa para outra o dom bem parecido com o meu que  passo apenas os meus pensamentos para qualquer um.Ja meus pestinhas tem muitas abilidades e são muito fortes assim como Erick e também tem dons de pensamento mais menos complexo conseguindo apenas conversarem entre si pela mente.


Depois de duas horas nossa viagem finalmente terminou e agora seguiriamos até nossa casa correndo.
o percuso foi rapido graças a Erick que como sempre fazia me pegou no colo,eu digo sem meu consentimento para podermos ir mais rapido por que acredite meus filhos me chamava de lenta.ve se pode?.


-nossa é essa casa mesmo?.-disse Keroline em frente a uma linda e grande casa cercada de flores e muito verde.
-eu amei meu querido.-disse empolgada com nosso novo lar e lhe dei um selinho.
-podemos entrar?-educadamente antonio como sempre nos perguntou.
mais antes que lhe respondese o meu outro pestinha puxou o irmão para dentro da casa.
-mais é claro né.-disse ele levando o irmão pelo braço.
-a esse garoto não tem geito mesmo.-keroline disse rindo da atitudo do irmão.
-filha você também não está nem um pouco curiosa para ver seu quarto novo?.-erick perguntou.
-mais é logico que sim.-ela se preparava para correr mais voltou e deu um beijo na buchecha de Erick e outra em mim.-obrigado pai-ela disse a ele.-eu tia amo mãe-agora falou para mim.
Meu anjinho como sempre carinhosa.
-e você heim não quer conhecer nosso novo cantinho?.-Erick sussurou em meu ouvindo me abraçando por trás.
-ha sim eu quero muito.-me virei para fita-ló.-mais antes quero ficar aqui juntinho com você.
 Erick me pegou no beijo ardente daqueles que sempre evitavamos ao maximo dar na frente das crianças mais que a sos sempre faziamos.
depois de parar o beijo bem devagarinho Erick voltou a sussurar em meu ouvido.-Eu te amo nessie.-e eu é claro como da primeira vez que ele disse que me amava me derreto toda com suas declarações.
Sorri largamente para ele e voltei a beija-lo mais intensamente ainda.Como se fosse possivel.
-eca.-fomos interrompidos por risadinha que na certa vinha de Alexandre.-assim eu traumatizo.-disse o lingua solta do meu filho me deixando corada pelo flagante.
-o que faz aqui?ja viu o seu quarto?gostou da cor?-Erick para distrair o flagante perguntava sem parar.
-ja vi sim.-ele disse alegre-pow pai você caprichou.
ri com o comentario.
-é mesmo pai eu amei obrigada de novo.-Keroline agora junto de nos disse a Erick abraçando novamente.
-sabia que ia gostar minha pricesinha.-ele disse todo bobo.
-pai.mãe vamos caçar?.-Antonio disse também se juntando a nos.
-é pai eu to com sede.-minha anjinha disse.
-não sei.-ele olhou para mim.-o que acha nessie?.
-acho uma otima ideia.-disse sorrindo.-além do mais precisamos estrear aqui nossa famosa caça em familia.
-Eba.-falaram em coro e Erick riu.
Naquela manhã passamos grande parte do tempo caçando e visitando lugares novos da Floresta inesplorada.mais depois de um tempo eu e Erick voltamos para casa que só agora via de verdade e me impresonei com sua beleza e conforto.
Ela tinha 5 quartos muito espasosos e 4 deles muito bem decorados a nosso gosto.
O meu e de Erick era o maior e todo branco com detalhes em prata e  uma linda sacada.
O de keroline era muito perfeito exatamento do seu gosto com paredes vermelhas e com uma decoração em branco suas cores prediletas.
O quarto do alexandre era todos verde e branco e com um imenso espaço para guardar suas bagunças que não eram poucas.
Ja o quarto de antonio era azul e branco e tinha muitos livros e uma mesinha no canto para pode estudar o que era o que ele mais gostava de fazer.
e por fim o ultimo quarto era o de hospedes apenas em branco e bege.
Havia outros comodos da casa que não ficavam atrás tinha a grande sala e cozinha dois banheiros um escritorio e um imenso jardim muito florido que eu ia amar cuidar.
A nossa primeira noite na nova casa não poderia ser melhor assistimos um filminho e brincamos muitos com as crianças até elas cairem no sono na sala mesmo então levamos todos eles exautos para cama como sempre faziamos e damos beijo de boa noite.
depois fomos para o nosso lindo quarto que como sempre mesmo não dormindo Erick amava ficar na cama me vendo dormi e eu me sentia segura assim e pegava no sono rapidamente em seus braços.
 No dia seguinte fomos até a escola de forks para matricularmos Keroline e os dois pestinhas.
Eles foram rapidamente aceitos pelas duas escolas ja que como previsto seria diferente da de keroline.depois de matricularmos todos eles ficamos cientes que  os pestinhas só começariam na semana que vem ja  Keroline começaria amanhã mesmo então fomos para casa.


-Amores.-disse para todos ele que estavam assistindo um filme na sala.-ja matriculamos vocês.
-e quando começamos mãe.-antonio perguntou.
-você e o alexandre só semana que vem filhote.-ouvi alexandre sussurar um "oba" e antonio ficar desepcionado.-ja você filha começará amanhã mesmo.
-mais já mãe.-ela disse muito triste o que me assustou por que Keroline sempre amou ir a escola.
-sim filha.-disse preocupada.-mais por que você não gostou?.
-não é isso mãe eu só estou com medo da nova escola.-ela disse.-e se não gostarem de mim?
-ah filha como não gostar de você.-disse abraçandoa.-você vai ver no começo é dificil mais depois com certeza você fará muitos amigos.
-assim espero.-ela saiu da sala e foi para o jardim.
e eu não a segui por que sabia que ela as vezes gostava de momentos a sos.
"filha calma vai dar tudo certo"pensei ciente que ela tinha escutado meu pensamento.
__________________________________________________________________________________
Pov de Bella.
Minha vida sem você.
Dizem que é quase impossivel viver sem alguém que se ama e ser feliz novamente.
E é verdade.
Por que estou pasando por isso. e acredite é imensa a dor e incuravél a cicatriz que fica.
Perder minha única filha antes mesmo de ve-lá creser foi a situação mais dolorosa que passei e estou passando por que desde então sinto um agonia profunda e mesmo nos momentos que era pra ser alegres ficam isignificantes sem ela aqui.
Apesar de tudo eu nunca perdi a fé de que um dia Renemee voltará para mim e tudo será como sempre foi.
Mais sei que se ela voltar ela provavelmente nem vai me reconhecer.mesmo assim só quero ver minha filha de volta,abraça-lá e dizer o quanto a amo e é só disso que preciso para ser completa novamente.


Amor Por Compaixão
Love By Grace(Tema de Bella e Renesmee)




Eu lembro a chuva no telhado aquela manhã,


E [lembro de] todas as coisas que eu queria dizer;


As palavras furiosas que vieram de lugar algum, sem aviso,


Que roubaram o momento e me forçaram a ir embora;


E você parado lá na porta, chorando;


E eu imaginando se algum dia eu voltaria...
(Refrão)


Eu disse [que] eu não vim aqui para te abandonar,


Eu não vim aqui para perder,


Eu não vim aqui acreditando [que] eu algum dia ficaria


Longe de você,


Eu não vim aqui para descobrir [que]


Há um ponto fraco na minha fé.


Eu fui trazida aqui pelo poder do amor, (amor)


A graça do amor
E eu lembro [que] a estrada apenas continuava eternamente,


Simplesmente parecia não conseguir mudar aquele carro de direção,


Até que, na distância, como um tesouro há muito tempo perdido,


Uma cabine telefônica que simplesmente não conseguia ser achada.


E você parado lá na porta, esperando,


E o momento quando nós nos deitamos de volta...
(Refrão)
Aquilo foi apenas um instante no tempo


E um [instante] que nunca esqueceremos,


Um que podemos deixar para trás.


Pois quando houvesse dúvida


Você lembrará que eu disse...
Eu não vim aqui acreditando [que] eu algum dia ficaria longe de você,


Eu não vim aqui para descobrir [que]


Há um ponto fraco na minha fé.


Eu fui trazida aqui pelo poder do amor,


Eu fui trazida aqui pelo poder do amor,


A graça do amor.
(gente eu amo essa musica e acho que ficou bem tema de mãe e filha mesmo com algumas partes da musica nada a ver com a historia...)


Eu sempre escutava essa musica nos momentos que me trancava no quartinho da nessie para pensar nela e tentar manter em mim a Esperança.É muito dificil eu confesso e por varias vezes queria ser humana para poder chorar por ela mais ai pensava que havia outras pessoas que dependiam de mim como minha filha adotiva Sarah e Edward e até mesmo Jacob que também vem aqui para chorar por nessie e as vezes até passa a noite aqui com a minha permisão.
 Mais agora as coisas se complicaram ainda mais por que Sarah se apaixonou completamente por Jacob que desde o sequestro de Renesmee nunca amou outro alguém e nunca vai amar por que sei que o sentimento de Jacob e incapaz de esquecer seu grande amor.
 Sendo assim eu como mãe pedi que se afata-se de Sarah pelo menos por um tempo,para quem sabe até mesmo Seth tenha a possibilidade de conquista-lá e não faze-lá sofrer por um amor impossivél.
-mãe posso falar com a senhora?.perguntou Sarah atras da porta.
-sim,claro filha me aguarde lá embaixo que já estou descendo.-disse a ela.
-tah mais não demora.
-ok já estou indo.
 Assim que ouvi ela descendo levantei da cama um pouco maior que coloquei no quarto de nessie recentimente e desci as escadas para ver o que Sarah queria comigo.
-filha o que quer comigo?.-perguntei a ela que falava com Alice sua agora melhor amiga e parceira de compras.
-a mãe.-ela olhou pra mim.-queria que me levasse hoje para escola.
-mais é logico que levo meu amor.-sorri pra ela.-mais então vamos indo por que senão você vai se atrasar.
-vamos sim.-ela pegou a bolsa.-tchau tia e até mais tarde.
-tchau linda e não demora viu.-alice disse animada provavelmente as duas marcaram fazer compras.
-ta pode deixar.
  Ela me abraçou e fomos assim até o garagem.
-você e a alice utimamente tão bem crudadas heim assim eu fico com ciúmes.-disse fazendo um cara de magoada.
-a mãe que isso eu amo a senhora mais que tudo.
-eu sei meu amor tava brincando.-eu tava mesmo é claro que amava a maneira que alice tratava Sarah e também das vezes que segurou a barra pra mim quando não tinha condições nenhuma pela falta de nessie Alice e quase todos aqui sempre mostraram um profundo amor por essa pequena menina que foi um grande presente dando numa hora de muita dor.
 Os únicos que não gostaram muito dessa situação foram Jacob que agora entende que Sarah não venho para tomar o lugar de Renesmee e Rosalie que sofre muito com a falta que ness faz.Tanto que não foi capaz de amar Sarah que mesmo não dizendo nada senti a regeição da tia.
 Rosalie também entrou em profundo desespero chegando até a ficar dias foras e segundo Edward era para procurar nessie e como nunca a encontrou passou a ser mais fria e arrogante com todos que entendemos perfeitamente sua dor.
 Eu me lembro que bem no começo cheguei até ter uma conversa com ela que me provou que Rosalie nunca mais seria a mesma sem nessie.


flash back on.
-Rosi posso entrar?.-perguntei na porta do seu quarto aproveitando a deixa da qual os outros havia indo caçar.
-podi.-ela disse fria.
-rossi eu sei o quanto está sofrendo pela falta de ness mais quero lhe dizer que todos nos estamos....
-bella,bella.-ela me interrompeu.-se venho aqui só para dizer isso eu sugiro que pare.
-da para deixar eu terminar.-disse brava com sua arrogancia.
-ta então fala.-ela me olhou sinicamente.
-TODO MUNDO ESTA SOFRENDO COM ISSO E SÓ QUERO LHE DIZER QUE NÃO É ESSES SEUS PITIS QUE VAI TRAZE-LÁ DE VOLTA.-disse alto e bem alterada com a cabeça dura de rosi.
- que bom que fosse por que é tudo que mais quero.-ela disse com o tom de voz que cortou meu coração.
-rossi por favor não trate mais Sarah assim ela não tem culpa alguma.
-não bella eu não consigo amar mais niguém.-ela disse se virando para sacada.-e nunca mais vou consegui.-ela sussurou.
-rossi não é assim que as coisa são...
-é sim bella.é sim.
-agora se me da licença eu estou indo caçar.-ela disse pulando da janela e aterrisando graciosamente para depois adentrar e sumir pela floresta.
flash back off


 Rosalie desde esse dia só piorou mais ainda chegando ao fato de ignorar até Emmett que sofre com o sofrimento de sua ursinha.
-eu te amo Sarah.-disse por fim
 Entramos no carro e seguimos para escola de Sarah que era minha antiga escola quando humana.
no caminho eu e Sarah ficamos conversando muito quer dizer mais Sarah que falava como tinha sido seu dia de ontem.


-mãe ja disse que entrou uma songa monga na minha sala.-ela disse indignada.-a garota é uma tampada e ainda por cima é da nossa especie.

-como assim Sarah?-perguntei preocupada.


-É mãe,não liga não.pelo que sei ela mora com a familia dela bem longe daqui e é bem controlada.-ela disse.


-tipo uma imbria?.-perguntei.


-podi ser.-respondeu com duvida.


-ok mais fica longe dela.-disse séria.


-podi deixar mãe eu sei me cuidar.-ai meu deus mais como Sarah é teimosa.


-to falando serio fica longe dessa garota filha.-falei estacionando meu carro em frente ao colegio.




-ta mãe eu fico.-ela beijou meu rosto e saiu do carro.


 Acenei para ela ja dando partida para ir embora por que  hoje iria caçar com Edward.
Mais antes mesmo de sair em direção a estrada um pessoa fez eu parar quer dizer uma menina aparentimente com 15 ou 16 anos com um rostinho de boneca e cabelos encarocolados acima do ombro.
Mais o que me fez parar não foi as feições doce e delicada da pequena menina mais sim a grande semelhança dela com minha filha.Sim aquela garota parecia nessie.
''oh meu deus filha"-sai do carro em  em direção a menina e quando cheguei perto dela meu coração ansiava para abraça-lá como se ela fosse mesmo a minha tão amada filha.
''e será que não era?''
-Renesmee.-disse pegando em seu braço o que fez ela se assustar e me fitar.
-não moça me chamo Keroline.-ela sussurou com medo.A bella sua tola você está assustando a garota.
-oh me perdoe pensei que era minha...-eu resolvi não dizer ''filha para ela não achar que era louca como alguém da minha idade poderia ter filha de 15 ou 16 era impossivel.-amiga.-completei.
-olha tenho que ir andando ja estou atrasada-ela disse simpatica demais para alguem que tinha sido abordada por uma vampira.-com licença.-ela disse seguindo em direção a escola.


"não pode ser ela pareçe tanto com nessie é como se conseguise ver diante de mim a minha pequena como ela não é nesse? será que os sequestradores mudaram o nome dela?mais como ela está tão nova era para ela ter 17 e não 15?e por que meu coração diz que é ela?...meus deus me ajude será que finalmente minha filha voltou para mim"




-mãe está tudo bem?-Sarah perguntou ao meu lado.
-esta sim filha.-disse me virando para fita-lá.-agora vai para sala Sarah o sinal ja tocou.
-ta legal então.-ela disse se virando mais eu decidi empedir por que afinal precisava saber mais sobre aquela garota.

-Sarah espere-disse a ela.-preciso de um favor seu filha.

-claro podi falar mãe.


-aquela garota a Keroline...


-o que a vampimonga.-(nati:mistura de vampira com monga rsrs).


-SARAH.-disse em repreensão pelo seu apelido maldoso.


-o que mãe?.-ela disse inocente.-ta foi mal.-mais diz o que você quer?.


-Eu quero que se aproxime dela.-falei decidida.


-Há como assim?.


-filha por favor eu te imploro.


-mais mãe...


-Sarah descubra tudo sobre ela eu preciso saber filha.-disse desesperada.
 
-ta,ta eu descubro mais agora eu preciso ir tah legal tchau.-disse e foi para dentro do colegio provavelmente brava com o meu pedido mais eu precisava disso e se tentasse me aproximar novamente a garota ia achar perseguição.
 
Sai delá com o coração ancioso para contar todas as minhas suspeitas a Edward e ele com certaza iria me ajudar com a investigação,por que eu não iria desistir tão cedo de encontrar nesse e agora com essa grande coêncidencia eu não deixaria passar em branco.
 
Por que de alguma forma meu coração dizia que essa menina tinha a ver com minha filha.
 
____________________________________________________________________________________
 
Pov (especial Sarah)
Renesmee não podi voltar.


 Quando meus pais foram assacinados por uma matador de vampiros e eu salva por um amiga da familia Indira que vivia conosco tudo para mim se tranformou,pois deixei de ter o imenso amor de meus pais Oliver Barks e Lizbeth Barks para ter o grande desprezo por parte dela que dizia que não era baba de ninguem,eu sabia que Indira não era uma pessoa muito boa e que continha mais odio e amargura do que compaixão por mim então me sentia abondonada até ela decidir me entregar aos Cullen que foram como anjos em minha vida.
 Principalmente Bella que cuidou de mim desde o primeiro minuto e me adotou como filha,Bella era a pessoa mais doce que ja tinha visto além de minha mãe que sofria imensamente pela perda da sua também unica filha Renesmee sequestrada a pouco tempo até minha chegada.
  Além de bella havia também Edward que era seu compainheiro e me adotou como sua filha também,tinha Alice minha segunda mãe e grande amiga, jasper meu grande conselhador. titio Emmett o bricalhão e vovô Carlisle e vovó Esme que eram uns amor de pessoa.
 Fora isso havia aqueles que não gostavam muito da minha presença como Rosalie que nunca vez questão de escoder que não vai com minha cara e Jacob que no começo também não gostava muito de mim mais acabou me aceitando e eu me apaixonando completamente por ele.
 E conforme mais crescia mais sentia que amava Jacob que não estava nem ai para mim mais mesmo assim eu estava disposta a mostrar que era muito melhor que Renesmee.
 E para isso passei a frequentar mais La Push ou melhor a oficina de Jacob que na epoca namorava a lambisgoia da Leah que graças a deus encontrou Luc e teve a Impressão por ele e eu é claro tinha agora caminho livre para conquistar meu Jacob. Que parecia estar caindo nas minhas garras que dizer era o que eu achava até ele me proibir de ir na oficina dele,e acredite fiquei furiosa com isso e mais ainda depois de descobrir que o motivo havia sido Seth o pirralho que dizia estar apaixonado por mim e que na certa foi se lamentar com melhor amigo  "Jacob" que para não magoalo decidiu se afastar de mim.
Que odio daquele garoto.
Que vive me olhando com cara de cachorro abandonado e quando toma coragem me convida para sair e por vingança eu digo Não.
Por que só o que mais quero é Jacob e não vou deixar ninguem entrar no meu caminho.ninguem.
Então fiz um plano que me faria ter Jacob e ao mesmo tempo me vingaria de Seth.
Tudo que tinha que fazer é pedir ao proprio Seth para me ajudar com Jacob,sim por que do jeito que ele faz tudo que eu mando e provavelmente  iria querer minha felicidade então não me negaria tal favor e com isso supostamente Jacob que é cabeça dura e só ouvi ele me daria uma chance.
Isso o meu plano era perfeito e iria executa-lo hoje mesmo.
Liguei para Seth e pedi que me buscasse hoje na escola e ele é claro aceitou e ficou bem empolgado com meu convite.
Olhei para o relogio e já estava na hora de ir para escola então decidi pedir para minha mãe me levar ja que temos muito pouco tempo juntas por que tia Alice vive me arrastando para lá e para cá nas suas compras nada baratas que eu tanto amava fazer.Não posso negar eu era um patricinha de marca maior e amava o conforto e o luxo.
Fui até o quarto que mamãe tanto amava ficar e pelo que sei esse era o quartinho de Renesmee sua filha sequestrada e mamãe sempre entrava lá toda vez para pensar nela,eu não posso dizer que isso não me incomodava sentia sim muito ciúmes e por varias vezes tentei entrar lá mais fui impedida por Alice que me dizia que ela precisava de momentos a sos.
 Então fingia que entendia a situação mais no fundo tudo que sentia era odio de Renesmee que mesmo ausente me atrapalha tanto.
 Depois de pedir a mamãe para me levar a escola ela aceitou e no caminho do colegio conversamos muito,quer dizer eu falei bem mais que ela e fiz questão de contar todas a novidades principalmente sobre a vampira que entrou na minha sala e mamãe é claro não gostou muito dessa historia e mandou eu ficar longe dela,mais eu sei me cuidar e não tenho medo algum daquela monga.
 Quando chegamos no colegio dei um beijo de despedida em mamãe e sai do carro encontrando Gloria,Sefani e Maria minhas melhores amigas.
-Oi meninas.-complimentei as três.
-oi até que enfim você chegou Sarah.-disse Gloria.
-por que?.-perguntei sem entender.
-por que temos uma bomba para te contar.-Sefani disse.
-ah então falem longo.-disse curiosa
-adivinha só que está caidinho pela Keroline.-disse Gloria.
-quem,quem.-fiz sinal para continuarem.
-O Beto.-ela três diseram ao mesmo tempo.
-o que vocês então de brincadeira.-como pode ser aquela braquela sem graça conquistar o coração do cara mais gato da escola.
-Que bom que fosse amiga mais ao que parece ele ja se juntou com ela.- Gloria apontou em direção aonde Keroline e Beto com sua turminha estavam.
-to chocada.-pois a mão no peito.
-todas nos estamos.-disse Sefani.
-Sarah o que sua irmã tah fazendo conversando com a monga?.-Maria disse me tirando do transe e me fazendo voltar a olhar para o grupinho ternurinha.
-Eu não fasso idéia.-disse confusa.o que será Bella fazia conversando com a monga que ela havia dito para mim se afastar.
 Sem entender tratei logo de ir até lá e tirar satisfações com mamãe que ja devia ter voltado para casa.
-mãe está tudo bem?-Perguntei a ela.
-esta sim filha-disse ela virando para me ver.-agora vai para sala Sarah o sinal ja tocou.-ela me disse.
-ta legal então.-ela estava certa o sinal havia tocado e já não havia quase ninguém lá por que até a monga havia ido para aula.
 Então quando me virava para ir em direção a escola minha mãe diz.
-Sarah espere-eu me viro para fita-la novamente.-.-preciso de um favor seu filha.
-claro podi falar mãe.-disse curiosa com o seu pedido.
-aquela garota a Keroline....
-o que a vampimonga.-disse com deboche.
-SARAH.-minha mãe me repreendeu pelo apelido.
-o que mãe?.-me fiz de inocente.-mais diz o que você quer?.
-Eu quero que se aproxime dela.-ela disse decidida.
-Há como assim?.-o que?será que ela estava louca eu me aproximar daquela garota.Nunca.
-filha por favor eu te imploro.-anão ela estava realmente louca.
-mais mãe...-tentei retrucar.
-Sarah descubra tudo sobre ela eu preciso saber filha.-disse como se estivesse desesperada.O que será deu nela pra me pedir isso?.
-ta,ta eu descubro mais agora eu preciso ir tah legal tchau.-disse inrritada e fui para minha sala.
''Por que será mamãe foi falar com aquela garota?e por que eu tenho que me aproximar dela?.
ah não,não,não eu não fasso isso nem morta eu amiga da vampimonga aonde ja se viu."
 Fiquei a aula inteira matutando sobre o pedido da minha mãe até escutar um comentario infeliz de uns dos amiguinhos de Beto que estavam crudados na monga.
''-Keroline por que a irmã da Sarah te chamou de Renesmee?.-ele perguntou.
-não sei ela disse que havia me confundido com um amiga.-ela respondeu docentimento.eca"


Então era isso mamãe acha que essa dai é Renesmee a filha sequestrada.
Não acredito que essa garota vai virar meu pesadelo.
Não podi ser,Keroline filha verdadeira de Bella e Edward meus pais.
Essa garota não podi voltar ela vai me roubar tudo,até o Jacob.
Mais que droga eu tenho que impedir isso.
E Seth vai me ajudar com certeza,por que isso agora virou minha prioridade.
_________________________________________________________________________________


Pov Seth
Visão do Amor

 
Como sempre novamente aqui estava eu sofrendo por amor não correspondido do qual eu sempre fui um imã.É realmente uma droga amar e não ser amado e ainda por cima eu que só quase o único tirando o Embry que não encontrou sua parceira,ou melhor sua impressão.
E pior que ansio tanto por isso não vejo a hora de encontrar a minha por que daí terei certeza que ela vai me amar de verdade e eu nunca mais irei sofrer por alguém que não me quer e só machuca meu coração como Sarah minha atual paixonite.
Filha adotiva dos Cullens Sarah ganhou meu coração assim que atingiu a fase adulta por que antes ela era apenas uma criança e agora ela virou uma mulher linda porém extremamente mimada e arrogante que parece até ter sido criada por Rosalie e não pela doce Bella,mais mesmo assim esse coração traisoeiro insiste em bater por ela e mesmo ela não me querendo e me esnobando o tempo inteiro eu ainda a amo tanto que até briguei com o meu melhor amigo Jacob pelo fato de saber o quanto Sarah é caidinha por ele.


flash back on.


-jacob.-disse entrando na oficina que ficava nos fundos da sua casa.




-Oi Seth tudo bem.-respondeu ele embaixo de um carro.


-Depende.-disse bravo


-Depende?.-perguntou saindo debaixo do carro para me fitar.


-É jacob depende de você.


-Cara eu não to entendendo?.


-OLHA AQUI JACOB NOS DOIS SEMPRES FOMOS AMIGOS,MAIS AGORA É MELHOR VOCÊ FICAR PREPARADO.-disse apontando meu dedo na cara dele.-POR QUE EU VOU LUTAR PELA SARAH.


-O que?.ele riu.-você só pode estar de brincadeira.


-EU TENHO CARA DE QUEM ESTÁ BRINCANDO?.-Perguntei furioso.


-Olha aqui Seth eu já cansei de dizer que eu nunca vou trocar nessie por ninguém ta me ouvindo.-ele disse enfurecido.


-Ah jacob..-levantei a mão para o ar.- nos dois sabemos que nessie não vai voltar.


Jacob respirou fundo e começou a tremer descompensadamente.


-É melhor você sair daqui.-ele disse cerrando as mãos e trincando os dentes.-por que eu não quero te machucar.


Eu não me mexi.


-SAI AGORA SETH E ISSO É UMA ORDEM.-droga eu não posso ir contra a sua autoridade de alfa e vou ter que obedese-lo mesmo contra a minha vontade.
 Sai de lá enfurecido com a ordem de Jacob e ainda mais disposto a lutar pela Sarah.


flash back off.


 E desde então eu e Jacob ficamos sem nos falar,e eu fiqui cada vez mais decidido a me declarar para Sarah.
 Então sempre espero uma oportunidade perfeita para isso e ela até que enfim chegou,por que hoje Sarah me ligou me pedindo pra busca-lá na escola coisa que nunca pude fazer por que ela sempre preferiu vir de carona com as amigas.
 Depois de seu telefonema eu fiquei euforico e quase eloquecido para chegar logo a hora de ir busca-lá então quando chegou me arrumei e passei muito perfume para ficar cheroso já que Sarah uma vez disse que eu fedia.
 Peguei minha moto e fui em direção a sua escola,um pouco adiantado eu confesso mais fazer o que eu não tava mais conseguindo esperar em casa então resolvi esperar aqui mesmo.
 Depois de um tempo finalmente os alunos começaram a sair e eu não tirava meus olhos da entrada para encontrar logo ela, mais o que eu encontrei foi muito mais forte.
Digo muito mais intenso, foi assim que me senti quando por acaso posei meu olhar no rosto de uma garota com feções delicadas que lembrava uma boneca de porcelana de tão bela,ela tinha os olhos castanhos,cabelo curto e encaracolado igual um anjinho que me prendeu.
Senti uma grande sensação de felicidade que me contagiou completamente só de olhar me fazendo o cara mais feliz do mundo e a minha vontade era de abraça-lá de protege-lá a todo custo por que agora ela era o que eu mais amava na vida ganhando até da minha propria familia de meus amigos da martilha do meu eu.
Agora tudo que mais queria era estar junto dela e ser daqui em diante seu tudo.
 Completamente anestesiado com o que estava sentindo e vendo minha boneca sair sozinha pela estrada, tudo que pensei e fiz foi ir atrás dela,e a segui por um bom tempo na estrada mais no fim ela adentrou na floresta me deixando muito curioso.
O que meu amor foi fazer lá?perguntava a mim mesmo.
Então sem hesitar tratei logo de colocar minha moto num canto seguro e segui dali em diante a pé mesmo,a floresta estava fria e o vento batia fortemente contra os galhos das arvores mostrando que a chuva forte estava para chegar.
Segui em direção a seus cheiro de rosas até me encontrar sem ele,sim parei no meio da floresta e percebi que seu cheiro delisioso ja não estava indo em direção alguma era como se ela tivesse sumido nesse local.
O desespero tomou conta de mim e uma forte dor no meu peito me fez chorar,sim chorar coisa a qual nunca havia feito antes agora fazia e pior como um bebê.
Com o coração doendo por não te a achado eu me sentei num tronco e pus as mãos na cabeça completamente sem reação.
Eu havia encontrado a razão da minha existencia.
E ao mesmo tempo a perdido.
Eu sou um completo idiota eu devia ter me tranformado assim eu nunca teria a perdido.
Diante da briga que agora travava dentro de mim proprio eu escutei passos e um cheiro que mais amo tomou conta da mata que agora estava ensopada pela forte chuva que caia.
Era ela,que agora estava aqui na minha frente linda e perfeita me encarando.
-quem é você?.-perguntou meu anjo docentimente.
-meu nome é Seth descupa mais vi você entrando...-parei para formular uma resposta que não poderia ser a verdade ela se assustaria se soubesse de tudo.
-não me assustaria não.-ela me deixou confuso.
-você é realmente o grande lobo que vi na sua mente?.-era agora que não entendia mais nada ela sabe o que eu pensei mais como?.
-descupa não quero lhe deixar confuso.-ela sorriu.-meu nome é Keroline e tenho o dom de ler mentes.-ela estendeu a mão para mim.
-você é um vam..pi.ra.-gaguejei apertando a mão dela o que me fez sentir correntes eletricas por todo corpo.
ela riu.droga ela ouviu meu pensamento eu corei no mesmo instante.
-não precisa ter vergonha de mim Seth.-ela disse.
Eu olhei para ela adimirado.Ela era perfeita.
-agora você que me deixou sem graça.-ela sorriu.
-me descupa eu não queria...
-Seth,Seth me responde um coisa?.-ela me perguntou.
-claro.-sussurei.
Ela se aproximou mais de mim e disse.
-você senti realmente tudo isso por mim?.-ela falou.
-sim.-disse me aproximando mais ainda dela.-Eu te amo Keroline.-disse por fim recebendo um sorriso lindo dela.
-isso é a coisa mais linda que ja vi.-ela disse.-eu sei que parece estranho mais ver tudo aquilo que vi nos seus pensamentos me deixou......
Sem deixar ela terminar e com a vontade imensa que estava de sentir seus labios no meu eu a peguei num beijo calmo porém com muito carinho e amor explorando sua boca como se fosse uma flor delicada e era mesmo.
Aos poucos ela foi se separando de mim e me olhou no fundo dos olhos com aquele rostinho lindo e cabelos crudados no rosto devido a chuva que estava caindo sobre nos.
-isso é loucura.-ela sussurou.
-eu sei.-disse alegre com a felicidade enorme que sentia de estar junto dela.-mais é a mais pura verdade.
-Será.-ela disse de olhos fechandos.-será que tudo isso não é um sonho lindo a qual vou acordar a qualquer momento.
-bom só tem um jeito de te provar que isso é tudo real minha boneca.-aproximei dela outra vez e juntei nossos labios novamente e ficamos por ali na floresta por um bom tempo até meu anjo ter que ir.
-amor.-ela disse me fazendo senti mais feliz que já estava.-tenho que ir minha mãe deve estar preocupada comigo.-ela disse.
-não por favor.-pedi com medo de perde-lá para sempre.
ela sorriu provavelmente lendo meus pensamentos.
-pra te provar que eu nunca mais vou sair da sua vida deixo você me acompanhar até em casa o que acha?.-ela disse manhosa.-assim ficamos mais juntinho.
-nossa mais é claro que aceito levar minha princesa até seu castelo.-ela sorriu e me puxou para começamos a andar.
-olha acho que a pé vai demorar um bucado.-disse envergonhada.-mais se você se transformar podemos correr juntos o que acha?.
Nossa as vezes esqueço que agora ela sabe tudo de mim e sabe principalmente que corro bem mais rapido como lobo,mais tenho que dizer que fiquei me ranceoso em me transformar em um lobo perto dela vai que...
-Nem termine isso senhor Seth.-ela disse em advertencia.-quero te ver como lobo.
-tem certeza?.
-absuluta.
-seu desejo é uma ordem.-lhe dei um selinho e fui atras de um arvore para me trocar.
E voltei na forma de lobo cor de areia,e observei cautelosamente sua reação.
Que ao invés de medo era admiravel.
-e como não ser .-ela disse.-você é lindo Seth dos dois jeitos.
"obrigado amor eu te amo"pensei para ela.
-é então vem me pegar.-falou num tom brincalhão e depois saiu correndo pela floresta e eu fui atrás todo bobo.
Eu e Keroline corremos durante um bom percuso mais no fim chegamos até sua casa que era muito linda e na frente havia dois garotinho brincando e uma moça muito jovem e bem parecida com meu amor.
-é ela é minha mãe.-Keroline disse.
"nossa mais vocês são bem parecidas"pensei.
-é o que todo mundo diz.-ela sorriu.-bem acho que tenho que ir.
''espera deixa eu me tranformar...''
-nada disso.-ela me parou.-te espero amanhã no horario da saida ok.
"mais Keroline eu só..."
-Seth eu tenho que ir e se você continuar aqui isso não vai ser possivél.-ela riu.
"Ta legal meu amor te espero amanhã ancioso para nos passearmos ok"
-ok.-ela afogou meus pelos com a mão e sussurou um "eu te amo" e foi em direção a casa.
E eu foi embora não vendo a hora de encontra-lá novamente.Minha linda bonequinha Keroline.


Tema de Seth e Keroline:



My Heart-Paramore


Meu Coração

Eu descobri que talvez eu estivesse errada.

Que eu caí e, não posso fazer isso sozinha.

Fique comigo, isto é o que eu preciso, por favor?

Nos cante uma música e nós cantaremos de volta pra você

Nós poderíamos cantar sozinhos,mas o que isto seria sem você?

Eu nem sou nada agora e faz muito tempo

Desde que eu escutei o som, o som da minha única esperança.

Desta vez eu estarei escutando.

Nos cante uma música e nós cantaremos de volta pra você.

Nós poderíamos cantar sozinhos mas o que isto seria sem você?

Este coração, bate, bate apenas por você

Este coração, bate, bate apenas por você....Ooooh!

Este coração, bate, bate apenas por você, meu coração é seu.

Este coração, bate, bate apenas por você, meu coração é seu.

( Meu coração, bate por você)

Este coração, bate, bate apenas por você, meu coração é seu

(Bate, bate apenas por voce. Meu coração é seu)

Este coração, bate, bate apenas por você, meu coração...

( Por favor não vá, por favor não desapareça)

Meu coração é seu

( Por favor não vá, por favor não desapareça)

Meu coração é seu

( Por favor não vá, por favor não desapareça)

Meu coração é seu

( Por favor não vá, por favor não desapareça)

Meu coração é...



Vocês podem encontrar essa fic também no [ NyahFanfiction ] com o nome natineces

0 comentários:

Postar um comentário

Comente,critique,elogie e de as suas sugestões,mais sem ofensas ok?Que eu sou muito sensível rsrsrs.

Seguidores

Instagram

Neces In Love Story Copyright © 2013 - Todos os Direitos Reservados